SBV

;

Fotos Igreja

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Aula de Bateria 2

Capitulo 2: Conhecendo seu Instrumento
Bom, agora vamos conhecer todas as peças que compõem uma bateria:
  • PRATO
Há 2 tipos de pratos que podemos chamar de base:

· Condução (ride) - onde conduzimos a música.
Nele também podemos usar a Cúpula (bell ride).
· Ataque (crash) - usado para início do tema, um acento na música ou final de um fill (que é a "uma virada" nos tons e tambores, terminando no prato de ataque.

Como os pratos da bateria são também peças extremamente delicadas, cuidado no transporte. Ao tocar nos pratos mais finos, a intensidade com que se toca deve ser menor pois ele soará perfeitamente com um simples toque com a baqueta
.
  • TAMBOR
Depois do bumbo, é a peça mais grave da batera.
Faz a ligação dos toms para o bumbo.

A afinação do tambor é médio-grave ou grave.
Para deixá-lo com estas características mantenha a pele do tambor levemente solta. A pele resposta deve estar mais apertada do que a pele de ataque.

Ao afinar dê o mesmo número de volta em todos os parafusos.
Para checar a afinação da peça, toque a pele levemente com a chave de afinar perto de cada parafuso (aproximadamente 2 cm, do aro para a pele) e perceba se todos os parafusos estão dando o mesmo harmônico. Se estiverem tudo igual, ótimo! Você deverá tocar a peça com a baqueta para sentir se é realmente esse o som que você quer. Se quiser um som mais grave (soltar mais os parafusos) ou mais agudo (apertar mais os parafusos).

Tambor
  • TOM-TOM
    É onde damos o "colorido" extra no ritmo que estamos tocando.
    Basicamente as baterias vem com 2 toms.
    Eles são afinados da seguinte maneira:
    Tom 1 (menor) - som mais agudo.
    Tom 2 (médio) - som mais médio.

    Ao afinar dê o mesmo número de volta em todos os parafusos. Para checar
    a afinação da peça, toque a pele levemente com a chave de afinar
    perto de cada parafuso (aproximadamente 2 cm, do aro para a pele) e perceba se todos os parafusos estão dando o mesmo harmônico. Se estiverem tudo igual, ótimo!

    Você deverá tocar a peça com a baqueta para sentir se é realmente
    esse o som que você quer. Se quiser um som mais grave
    (soltar mais os parafusos) ou mais agudo (apertar mais os parafusos).


Tons
  • CAIXA/ARO
Usada em combinação com o bumbo na execução de quase todos os ritmos o som dela é na maioria das vezes seco e médio-grave.
É nela que treinamos a maior parte das técnicas das mãos.

Ao afinar dê o mesmo número de volta

Caixa
  • BUMBO [Bass drum]
    É a peça mais grave da bateria. Tem um som forte, geralmente mais
    abafado que as outras peças da bateria - exceto no jazz, bossa-nova, e
    ritmos mais "excêntricos", que costumam deixá-lo sem o abafador
    ou pouco abafado.

    Ao afinar dê o mesmo número de volta em todos os parafusos.
    Para um som mais grave, deixe a pele onde o pedal toca mais solta
    que a da frente.
    Para abafar o bumbo, é aconselhável colocar uma espuma que toque ambas as peles.
Bumbo
  • CHIMBAL
Usamos o chimbal para fazermos a condução na música.
Seu som é agudo e é formado por dois pratos que se tocam no momento que acionamos o pedal da máquina de chimbal com o pé.
Chimbal

Procure proteger os pratos de cima usando feltros para prendê-los na presilha.
Este
s feltros devem ser colocados da seguinte forma:
chimbalTodo o cuidado com esta peça é pouco.
Por se tratar de uma das peças mais complexas da bateria, evite transportá-lo pelo varão (peça onde é preso o prato de cima) e nunca coloque a baqueta entre os pratos e acione a máquina.
  • PEDAL DE BUMBO
Preso na base do bumbo, é com ele que tocamos o bumbo.

Como se trata de uma peça mecânica, sempre que possível faça uma limpeza no pedal, removendo toda a poeira e lubrificando (sem exageros) todas as partes que necessitam desta manunteção.

A mola do pedal não deve estar nem muito solta (pois o pedal irá demorar
para voltar ao seu ponto de repouso) e nem muito esticada( pois ele ficará muito pesado para ser acionado, dificultando os toque mais rápidos).
Pedal

Capitulo 3: Posição
Este é um fator importante pois pense em dirigir um carro onde o banco não está posicionado para você. O que fazer?? Arrumá-lo antes de ligar o carro. Da mesma forma, devemos ter todos os instrumentos da bateria (caixa, pratos, etc...) à nossa mão, ajustados de maneira que não nos cause desconforto durante a execução.

LEMBRE-SE:

Aquele lance de “prato no céu” é coisa para videoclipe!!! Tudo tem que estar bem próximo à você, ok???

PÉS


O pé direito (Bumbo) tem duas maneiras de toca-lo no pedal de bumbo.
1ª) PÉ CHAPADO: Onde o pedal é acionado com o calcanhar abaixado na sapata.
2ª) PÉ LEVANDO: Onde o pedal é acionado com o calcanhar levantado na sapata.
A primeira posição é mais indicada para músicas mais lentas e a segunda posição é mais indicada para músicas com mais pegada, como o rock e o funk.

O pé esquerdo (Chimbal) segue o mesmo exemplo do pé direito.

Seja o primeiro a comentar

:)) ;)) ;;) :D ;) :p :(( :) :( :X =(( :-o :-/ :-* :| 8-} :)] ~x( :-t b-( :-L x( =))

Postar um comentário

Novo Comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO